segunda-feira , 22 de Janeiro de 2018
RADIO
ONLINE
Porta Voz Voz FM
MENU

Novidades

Esporte

jan 13, 2018

Jô chega em festa ao Japão e ainda sonha com vaga na Copa: “Tenho esperança”

Jô desembarcou Japão em festa por parte da torcida Nagoya Grampus. O artilheiro do último Campeonato Brasileiro chegou nesta semana ao Oriente e recebeu a camisa 7 no clube. Em sua primeira entrevista na nova casa, ele disse que a comida japonesa influenciou na sua escolha, evitou prometer gols e admitiu que ainda sonha com uma vaga na Copa da Rússia, após ter sido o reserva de Fred na Copa de 2014.

– Ainda tenho esperança de voltar à Seleção e jogar mais uma Copa do Mundo. Minha maior alegria é que o Nagoya abriu as portas para eu fazer trabalho. Tenho certeza que se eu fizer um bom trabalho, bons jogos e gols, muitos no Brasil falam que eu tenho chance. Vou acreditar.

Jô foi recepcionado com festa pela torcida do Nagoya Grampus (Foto: Divulgação / Nagoya Grampus)

Jô foi recepcionado com festa pela torcida do Nagoya Grampus (Foto: Divulgação / Nagoya Grampus)

A proposta do clube japonês foi de 11 milhões de euros (cerca de R$ 43 milhões), considerada irrecusável pelos representantes do jogador e também pela diretoria do Timão. Segundo o balanço financeiro do Corinthians, o clube tem 100% dos direitos econômicos de Jô, que tinha contrato com o Timão até o fim de 2019. Além da questão financeira, o atacante confessou outro motivo que o atraiu no Japão.

– No Brasil, eu e minha família gostamos muito de comida japonesa. Sabemos que aqui é diferente. E tem a minha alegria de vir aqui comer a verdadeira comida japonesa. Tudo isso me atraiu. Aproveitar o que tem de bom e de fora dos gramados. Vou tentar experimentar de tudo. Sou curioso. Se vou gostar, vai depender.

Jô recebe a camisa 7 no Nagoya Grampus (Foto: Divulgação / Nagoya Grampus)Jô recebe a camisa 7 no Nagoya Grampus (Foto: Divulgação / Nagoya Grampus)

Jô recebe a camisa 7 no Nagoya Grampus (Foto: Divulgação / Nagoya Grampus)

Ele também falou sobre a recepção em festa da torcida local.

– Ter essa recepção… Eles têm muito respeito com o jogador. São carinhosos. Então, isso já me deixou feliz. Fiquei muito contente com a recepção. Espero retribuir com bom futebol e gols.

Mensagens da torcida do Nagoya Grampus para Jô (Foto: Divulgação / Nagoya Grampus)Mensagens da torcida do Nagoya Grampus para Jô (Foto: Divulgação / Nagoya Grampus)

Mensagens da torcida do Nagoya Grampus para Jô (Foto: Divulgação / Nagoya Grampus)

Artilheiro do Campeonato Brasileiro foi um dos destaques do título do Corinthians. Por isso, ele prefere adotar a mesma tática do ano passado e evita prometer gols.

– Não costumo falar de gols, até por respeito com os jogadores das outras equipes. Fazer bons jogos e consequentemente sairão os gols. No ano passado não falei números no Corinthians e fui artilheiro e melhor jogador.

   Jô foi revelado no “terrão” do Corinthians e estreou no time principal com 16 anos, em julho de 2003. Ele retornou ao clube no fim de 2016 e marcou 25 gols em 2017, sendo 18 no Brasileirão. Considerando as suas duas passagens pelo Timão, ele disputou 179 jogos e marcou 32 vezes.

O Japão será o sexto país estrangeiro em que Jô atuará como jogador profissional. Antes, ele jogou pelo CSKA Moscou (Rússia), Manchester City e Everton (Inglaterra), Galatasaray (Turquia), Al Shabab (Emirados Árabes) e Jiangsu Suning (China).

FONTE: GLOBO ESPORTE

COMPARTILHAR

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *



Siga a Rádio Porta Voz

Siga a Rádio Voz FM