sábado , 15 de junho de 2019
RADIO
ONLINE
Porta Voz Voz FM
MENU

Novidades

Economia

abr 12, 2019

FMI diz que dívida brasileira chegará a quase 100% do PIB em 2024

Em apenas cinco anos, a dívida bruta do Brasil pode chegar perto de 100% do Produto Interno Bruto (PIB), segundo relatório do Fundo Monetário Internacional (FMI).

A metodologia do FMI, que difere da utilizada pelo Banco Central – já que contabiliza os títulos públicos -, aponta que o endividamento contínuo alcançará 97,6% do PIB em 2024.

Em 2018, o indicador ficou em 87,9% do PIB e, para este ano, a previsão é de que chegue a 90,4%. Ainda assim, no cálculo do BC, a dívida em fevereiro de 2019 foi equivalente a 77,4% do PIB.

O documento prevê que o resultado primário (que não contabiliza gastos com juros), deficitário desde 2015, só voltará a ser positivo em 2022.

O endividamento brasileiro preocupa ainda mais pela previsão de trajetória de alta contínua e pelo seu custo pesado, com juros elevados.

No Monitor Fiscal, o FMI tem uma expectativa um pouco melhor para o resultado primária, mas, ainda assim, a diferença é rasa. A expectativa de outubro, de um déficit primária de 1,8% do PIB em 2019, se manteve no relatório atual.

O resultado que seria zero em 2022, agora, é esperado em 0,1% do PIB. Em 2023, o superávit será de 0,6% do PIB, segundo a nova projeção; antes, se previa um número de 0,5% do PIB. Para 2024, a aposta é num superávit de 1% do PIB.

Por fim, o Fundo destaca a importância de o Brasil adotar medidas para tentar equilibrar as contas públicas e enfatiza a importância da reforma da Previdência.

“No entanto, mesmo cumprindo com o teto de despesas, as projeções dos economistas do FMI são de que a dívida pública continuará a aumentar até pouco menos de 100% do PIB em 2024”, destaca o relatório da instituição.

 

fonte: yahoo

COMPARTILHAR

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *



Siga a Rádio Porta Voz

Siga a Rádio Voz FM